Acessibilidade: A+ A() A-

 NOTÍCIAS

Ações de instrutorias realizadas no mês de maio pelos técnicos do RURAP em parceria com FAEAP/SENAR-AP, para a formação profissional rural e promoção social.

Por: Eulálio Lucien - NUMCOR/CTA - 31/05/2019 - 20:18

Foto: Henrique Szymanski

Conforme acordo de cooperação técnica para a mobilização e instrutoria das ações de formação profissional rural e promoção social assinado entre, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Amapá (Senar/AP) e o Instituto de Desenvolvimento Rural do Amapá (Rurap) realizaram no mês de maio, treinamentos e ações educativas de orientações técnicas voltadas para a economia local nas seguintes comunidades: Anauerapucu, Quilombo do Mel da Pedreira e Comunidade Quilombola São Pedro dos Bois.

 

 

No período de 20 a 24 de maio, foram realizados na Comunidade de Anauerapucu, no município de Santana, dois treinamentos, intitulados “Trabalhadores na Exploração de Açaí”, com a finalidade central de qualificar os agricultores no processo de pós-colheita, beneficiamento e comercialização. Os referidos treinamentos proporcionaram a capacitação de 16 agricultores, criando oportunidades locais.

Instrutor: Henrique Szymanski Ribeiro Gomes - Extensionista Agropecuário do RURAP.

 

No período de 20 a 24 de maio, no Quilombo do Mel da Pedreira, no município de Macapá, o “Curso sobre a Farinha de Mandioca”, envolvendo as fases de Higiene e Segurança durante o Trabalho; Boas Práticas, com a Higienização do Maquinário e o Processamento, Beneficiamento e Classificação. Nesta última fase, foi realizada a fabricação de quatro tipos de farinha: Farinha Suruí, farinha mista, Farinha seca e farinha puba. Apoiar essas atividades é promover o desenvolvimento das famílias rurais, a partir da geração de rendas.

Instrutor: Alex Miranda do Amaral - Técnico em Extensão Rural do RURAP.

 

No período de 20 a 22 de maio, na Comunidade Quilombola São Pedro dos Bois, no município de Macapá, foi realizado o treinamento de Fruticultura básica, com foco voltado para a cultura do maracujá, com a participação de 12 agricultores. Na abordagem discutiu-se sobre as características edafoclimáticas, as principais variedades, polinização artificial, tipos de espaldadeira, tipos de poda, planejamento e tipos de adubação química e orgânica. Essas etapas ocorreram através de demonstrações práticas, com a implantação da espaldadeira, preparo de cova, adubação de fundação, plantio, adubação de cobertura, preparo e aplicação de calda bordalesa, tutoramento e prática de poda. Neste aspecto, a fruticultura tem sido uma das atividades com bastante visibilidade no Estado, oportunizando melhores ganhos a família rural.

Instrutor: Ely de Sousa Silva - Extensionista Agropecuário do RURAP.

 

Na Comunidade de Anauerapucu, no município de Santana, a oficina de “Boas práticas do beneficiamento do açaí”, com a participação de 18 agricultores. Na oficina foram trabalhados o modo da higienização dos utensílios, a recepção do produto in natura, pré-limpeza, cloração, filtragem, branqueamento e o batimento. Potencializar essa atividade, dentro dos padrões estabelecidos, assegurando a origem, é garantia positiva na comercialização.

Instrutora: Fátima Marizia Santos do Nascimento - Extensionista Social do RURAP.


 Arquivos vinculados

Treinamento intitulado “Trabalhadores na Exploração de Açaí".

Treinamento intitulado “Trabalhadores na Exploração de Açaí".

Boas Práticas, com a Higienização do Maquinário e o Processamento, Beneficiamento e Classificação.

Boas Práticas, com a Higienização do Maquinário e o Processamento, Beneficiamento e Classificação.

Oficina de “Boas práticas do beneficiamento do açaí”

Oficina de “Boas práticas do beneficiamento do açaí”